Demorou, mas saiu. Sejam bem-vindas e bem-vindos ao mais novo episódio do #DesafioZelda. Nesta série estou jogando, na ordem cronológica, todos os jogos da franquia. Para ler o episódio 1, clique aqui.

E o capítulo de hoje vai ser um pouco diferente. Ao invés de falar sobre Breath of the Wild, que é próximo game da lista, preferi escrever sobre o Nintendo Switch em si.

EMULAÇÃO

Antes de começarmos a falar do Nintendo Switch, uma dúvida que me fizeram bastante pelo instagram (segue lá!) nas últimas semanas: dá para jogar Breath of the Wild sem pagar nada? Sim, é possível. Se você tem um computador legal, é só baixar o emulador CEMU, a rom do jogo e emular. Já fizeram até tradução pt_br para o game. A comunidade de fãs é unida e sempre nos surpreende, basta pesquisar. Você vai estar emulando o Wii U, e não o Switch, mas dá no mesmo no caso deste jogo.

Agora, a experiência de jogar no Nintendo Switch é única. E é sobre isso que eu quero falar aqui.

CONSOLE HÍBRIDO (E ÚNICO)

Por mais que você leia ou assista reviews (esse do Pipocando Games, acima, está muito bom), nada disso chega perto da experiência de ter o console em mãos.

O Nintendo Switch é um console, que foi projetado para também ser jogado em modo portátil. Até então, o mais próximo disso era o PSP/PS Vita, que eram portáteis que também podiam ser jogados na televisão. Parece que é a mesma coisa, mas não é. E uma coisa que fez muita diferença foi o marketing disso. Se a Sony tivesse vendido seus portáteis como consoles portáteis, e facilitado o uso em modo console, teria canibalizado as vendas do PS2 e PS3. Acabou ficando, então, no pior dos dois mundos. Não era o melhor console (usar no modo tv não era nada prático) nem o melhor portátil.

nintendo switch

Alguns vão dizer que o PS Vita era sim o melhor portátil, e talvez em termos de hardware fosse mesmo, mas não tinha o mesmo carinho e suporte que a Nintendo sempre dedicou a linha DS e 3DS. A linha DS/3DS também sempre teve jogos, como Pokémon, exclusivos. Mesmo que você tivesse o Wii, tinha motivos para comprar o DS.

FIM DO 3DS?

A Nintendo posicionou o novo console de um modo único. Ele substituiu o Wii U, que estava vendendo pouco mesmo – assumiu o lugar de melhor portátil – mas não matou o 3DS.

A maior prova disso é que se você olhar as vendas dos dois aparelhos nos últimos meses, vai descobrir que o 3DS só não vendeu melhor do que o próprio Nintendo Switch. Dependendo do país, vendeu mais do que o PS4 e XBOX One.

Isso acontece porque desde o lançamento do Switch, excelentes jogos foram lançados… no 3DS! E vai continuar assim, promete a Nintendo, por algum tempo. E eu acredito, porque faz sentido. Ainda que franquias como Pokémon já tenham pulado fora, a base instalada do 3DS é grande demais para ser ignorada. Outro motivo para as vendas tão grandes do 3DS, acredito, é a facilidade para piratear jogos. Mesmo que você compre o New 3DS e o atualize a para última versão, ainda consegue instalar software pirata e jogar de graça. Se isso é péssimo para a venda de jogos, é ótimo para a venda do portátil.

NINTENDO SWITCH. VALE A PENA?

Mas vamos voltar ao que interessa. E aí, vale a pena comprar um Nintendo Switch? VALE. E eu nunca tive tanta certeza de uma resposta.

Principalmente para pessoas como eu, que trabalham o dia todo, o Switch vale a pena. Chegar em casa, deitar na cama e jogar faz toda a diferença. Eu praticamente não uso ele na televisão, só mesmo quando vou jogar multiplayer com alguém.

E mesmo para quem é mais novo, e/ou que não trabalha, acho que isso é um fator decisivo. Na casa dos meus pais, por exemplo, não vejo nenhum dos meus irmãos encostar no PS4 faz muito tempo. Ou é jogo no celular ou no computador. E a Nintendo percebeu essa tendência.

E olha que o Playstation tinha como resolver isso de maneira muito fácil. Nos celulares Xperia, como o que eu uso, dá pra jogar no Playstation remotamente pelo aplicativo Remote Play. Você configura o aplicativo no seu celular, liga o Ps4, conecta o controle do console ao celular e pronto. Dá pra jogar inclusive fora de casa, desde que tenha uma boa conexão de internet. Olha só a foto de como fica:

ps4 remote play

ps4 remote play

Agora, porque diabos a Sony não lançou esse aplicativo para outros celulares? Se roda no meu Xperia Z3 de 4 anos atrás, com certeza rodaria em qualquer Android topo de linha. Ou até no iPhone. Mas enfim, não vou entrar nesse assunto, daria um outro post o tanto de coisas sem sentido que a Sony faz…

Ficou com alguma dúvida ou sugestão? Não deixe de comentar aqui embaixo e de me seguir no Instagram e no Facebook, para acompanhar de perto o meu trabalho. Até a próxima!