Atualmente, as câmeras dos celulares têm evoluído cada vez mais. Ainda que seja difícil gravar à noite, devido ao tamanho reduzido dos sensores, qualquer smartphone intermediário permite que você filme pelo menos em qualidade HD. Isto significa que você tem um estúdio dentro do seu bolso. A grande dificuldade, entretanto, principalmente para filmar eventos externos, é o áudio.

Mesmo num local silencioso, os smartphones costumam capturar muito ruído, fazendo com que aquela gravação em 4K não pareça assim tão impressionante. Pior: se você estiver em um lugar realmente barulhento, não será possível escutar quase nada.

Mas calma, há diversas maneiras de melhorar a captação de áudio. Comprar um microfone de lapela é importante, mas comecemos do básico. Abaixo, 8 dicas para aproveitar ao máximo seu estúdio portátil. Se quiser pular diretamente para as dicas relacionadas à instalação do microfone de lapela, comece da dica 5. Com exceção da última, todas as dicas são válidas para Android, Iphone e Windows Phone.

 

1. CONHEÇA SEU CELULAR

Saiba onde estão os microfones do seu smartphone. Não é muito difícil, são buraquinhos bem pequenos, geralmente há um na parte de cima e outro na parte de baixo do aparelho. Se você colocar o dedo em cima de um buraquinho desses, por exemplo, a gravação de som ficará abafada. Há celulares que só tem um microfone. Pesquise!

2. POSICIONAMENTO IDEAL

Se você for gravar apenas áudio, sempre posicione o microfone o mais próximo possível do que você quer captar, com um mínimo de 30cm de distância (uns dois palmos). Mais perto do que isso poderá gerar distorções. Mais longe poderá perder qualidade.

Se você estiver gravando vídeos, muitas vezes não será possível ficar tão perto ou mesmo direcionar o microfone para a fonte de áudio. Uma dica muito boa, do próprio blog da fabricante Sony, é fazer uma espécie de concha com as mãos, para que o microfone capte o mínimo possível do barulho do vento. Parece bobagem, mas realmente faz diferença. Experimente!

Usuário faz uma espécie de concha com as mãos, em volta do microfone interno do smartphone

Créditos: Blog Sony Xperia

3. TESTE

Parece óbvio, mas este procedimento simples evita muita dor de cabeça. Independente do microfone que você esteja usando, sempre faça um teste antes da gravação. Os conectores P2 são muito conhecidos por ficarem com mal contato em pouco tempo de uso. O microfone interno, às vezes, capta ruídos que você nem estava escutando. Gravar 10, 15 segundos antes de iniciar o trabalho é muito melhor do que ter de fazer tudo de novo depois.

4. USE SEU FONE DE OUVIDO COMO MICROFONE DE LAPELA

Para quem não quer gastar nada, mas quer melhorar bastante a qualidade de gravação, uma dica é usar o próprio fone de ouvido que geralmente vem junto do aparelho. A dica para encontrar o local onde fica o microfone é a mesma: procure por um buraquinho bem pequeno, geralmente em um dos fios do fone. Caso tenha dificuldades, assista este vídeo.

5. ESCOLHENDO O MICROFONE DE LAPELA CORRETO

E chegamos ao assunto principal do post, o microfone de lapela. Antes de tudo, você deve saber escolher o equipamento correto. Há microfones feitos para todos os tipos de aparelho, como câmeras e gravadores profissionais. Para funcionar corretamente no seu aparelho, você deve procurar um microfone com saída P3. Em outras palavras, o conector, que deve ser encaixado no celular, deve ter três linhas e não duas. Se tiver apenas duas linhas, ou seja, uma saída P2, o celular provavelmente não reconhecerá o equipamento. Veja na imagem abaixo:

microfone de lapela

Microfone de lapela com conector de três pinos, o P3

É possível encontrar modelos assim no Mercado Livre (peguei a foto acima de um anúncio de lá). De 20 a 200 reais, há todo tipo de equipamento. Já comprei diversas vezes, sempre de vendedores diferentes, e nunca tive problema. Fiz uma pesquisa hoje (Ago/2017) e, aparentemente, o melhor custo benefício está neste anúncio abaixo (não recebo comissão de vendas nem testei a qualidade do produto, faça também uma pesquisa na internet e em lojas da sua região antes de comprar):

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-793338799-microfone-lapela-para-smartphones-android-_JM

6. USANDO UM MICROFONE DE LAPELA QUE JÁ TENHO EM CASA

Pode ser que você já tenha um microfone de lapela em casa, mas que não tem as tais “três listras”. Ele funciona normalmente em seu gravador, câmera ou qualquer outro aparelho, mas não vai funcionar no seu celular (em alguns raros casos pode até funcionar, sempre teste!). Para que ele funcione, você precisa de um adaptador “P3 para P2”.

O caso é que, a não ser que seu microfone seja muito bom, ou que você consiga comprar o adaptador em alguma loja da região, não vale a pena. O preço desses adaptadores é barato, entre 7 a 15 reais, mas o frete comprando pela internet inviabiliza a compra. No anúncio mais barato que encontrei, o adaptador custa 7 reais, mas o frete 19. A compra total sai, portanto, quase 30 reais. É melhor juntar mais 20 reais e comprar um microfone de lapela novo e específico para esse uso do que a gambiarra. De todo modo, fica um anúncio que achei interessante para adaptador:

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-799575789-cabo-adaptador-p3-x-p2-fone-microfone-lapela-no-celular-a91-_JM

7. USANDO MICROFONE E FONE DE OUVIDO AO MESMO TEMPO PARA TER RETORNO DO ÁUDIO

Para ter certeza de que a sua gravação está funcionando bem, nada melhor do que escutar em tempo real o que está sendo gravado pelo celular. Para isso, além do microfone, você precisa de um fone de ouvido e de um divisor de áudio.

O divisor pode ser o mesmo que recomendei na dica 6. Particularmente, prefiro divisores deste tipo:

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-697880493-adaptador-headphone-splitter-divisor-fone-microfone-p2-35mm-_JM

Agora, se você pode gastar um pouco mais, uma excelente alternativa é o iRig Mic Cast. Na Amazon você encontra por 40 dólares, já por aqui nunca encontrei por menos de 350 reais. Ele é um microfone de excelente qualidade e que já possui uma saída para o fone de ouvido integrada, ou seja, você liga o seu fone de ouvido diretamente nele. Confira:

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-795524418-ik-irig-mic-cast-microfone-para-celular-video-ios-e-android-_JM

O iRig não é um microfone de lapela, mas achei que cabia divulgá-lo aqui, porque é uma alternativa muito interessante.

8. NENHUM MICROFONE DE LAPELA FUNCIONA NO MEU CELULAR

Sim, pode acontecer de você seguir todas essas etapas acima, comprar um microfone de 1000 reais e ainda assim não funcionar. Mas calma, antes de me xingar leia até o final deste artigo. Há algumas fabricantes, notadamente a Motorola, que não inclui suporte a microfone de lapela no aplicativo de câmera do smartphone. Em outras palavras, o aparelho é capaz de gravar, mas o software não reconhece. Fiquei seis meses sem conseguir usar o equipamento no meu Moto G, mas recentemente consegui encontrar uma solução.

Primeiro de tudo, baixe o aplicativo Câmera HD em seu celular. É um aplicativo gratuito e seguro, disponível na própria Play Store. Tem muitos aplicativos com nomes parecidos, tenha cuidado para não baixar o errado. O nome da desenvolvedora é a App Maker e o símbolo do App é uma câmera estilizada com cores próximas do roxo.

Feito isso, abra o programa. Dependendo da sua versão do Android, o aplicativo irá pedir algumas permissões de acesso, que você deve conceder. Procure um ícone de engrenagem, o último no canto inferior direito, e acesse as configurações. Procure o item “Definições de vídeo” e aperte. Na nova janela, procure por “Fonte de áudio”, clique e escolha a opção “External mic (if present)”. E pronto!

O que este programa faz é dizer para o smartphone que, quando há um microfone externo, o áudio deve ser captado por ele. Importante notar que se você usar o aplicativo de câmera padrão do celular, esta configuração não irá funcionar. A gravação será feita do microfone interno. Mas a gravação funciona normalmente em apps de terceiros, como Twitter e Facebook. Se a Motorola e outras fabricantes irá arrumar este problema em versões futuras do smartphone eu não sei, mas com esta dica simples você já pode usar o microfone de lapela agora mesmo! Se ficou com alguma dúvida ou quer um passo a passo mais detalhado, assista este vídeo.

Atenção: esta última dica só é válida para smartphones Android. No Iphone e Windows Phone, entretanto, nunca soube de casos em que o usuário tinha problemas para usar microfone de lapela. Caso o seu celular use outro sistema operacional ou seja muito antigo, é sempre bom ir numa loja de música/eletrônica e testar se o equipamento funciona antes de comprá-lo.

 

BÔNUS: Fiz tudo isso e ainda assim o microfone de lapela não funcionou. Tem jeito?

Sempre há a possibilidade de que o equipamento, smartphone ou microfone, esteja com algum defeito. Ou você pode ter seguido errado algumas das dicas. De todo modo, se você comprou um produto que não funciona no seu aparelho, e no anúncio ele dizia que funcionava, você pode devolver a mercadoria sem nenhum ônus. A política de trocas e devoluções do MercadoLivre, por exemplo, funcionam muito bem, eles só pagam o vendedor depois que o cliente confirma o recebimento (ou depois que passa muito tempo). Sempre procure sites confiáveis e, se comprar pessoalmente, teste o equipamento na hora. Faça valer todos os seus direitos.

 

E é isso, o que acharam das dicas? Compartilhe a notícia com seus amigos e deixe um comentário abaixo. Até a próxima!